UE recebe pedido para uso emergencial da vacina de Oxford
12/01/2021

A Agência Europeia de Medicamentos (EMA, na sigla em inglês), da União Euroepia (UE), informou nesta terça-feira que recebeu um pedido para autorizar o uso emergencial da vacina contra a covid-19 desenvolvida pela farmacêutica AstraZeneca em parceria com a Universidade de Oxford. 
 

Uma decisão sobre o caso pode sair até o dia 29 de janeiro, quando o Comitê de Medicamentos Humanos (CHMP, na sigla em inglês) se reunirá para dar um parecer sobre o pedido, segundo informou a EMA em comunicado

A EMA é órgão regulador responsável por avaliar vacinas na União Europeia. Até o momento, o bloco já aprovou e iniciou o uso das vacinas desenvolvidas por Pfizer/BioNTech e Moderna. A vacina de Oxford já está sendo usada no Reino Unido e foi recebeu recentemente aval da Índia. 
 

Espera-se que a vacina de Oxford seja essencial para muitos países, entre eles o Brasil, por seu baixo custo e facilidade de uso. Ela pode ser guardada em refrigeradores comuns, não exigindo as temperaturas ultrafrias como os imunizantes da Pfizer e da Moderna. 
 

No comunicado divulgado nesta terça-feira, a EMA também disse que está avaliando dados de estudos sobre a vacina de Oxford realizados no Brasil, no Reino Unido e na África do Sul. A AstraZeneca também enviou à agência informações adicionais pedidas pelo CHMP que já estão sendo analisadas pelo órgão regulador. 

 

Fonte: Valor




Obrigado por comentar!
Erro!
Contato
+55 11 3044 4440
+55 11 3045 5173
Av. Rouxinol, 84, cj. 92
Indianópolis - São Paulo/SP