Hospital Santa Izabel atua em várias frentes de sustentabilidade em Salvador
08/06/2018
Sustentabilidade é cada vez mais uma palavra de ordem dos novos tempos. Em Salvador, o Hospital Santa Izabel, mantido pela Santa Casa da Bahia, é exemplo de compromisso com o meio ambiente todos os dias. Isso graças ao programa permanente de ações de sustentabilidade mantido pelo hospital.

“O Santa Izabel se destaca desde o engajamento dos colaboradores para o despertar de uma consciência ambiental até o planejamento e a implementação de ações em várias frentes como efeito estufa, água, energia, resíduos sólidos, recolhimento de materiais e destinação correta “, explica Kátia Belchior, engenheira ambiental da Santa Casa.

Em março, inclusive, o hospital recebeu o prêmio HealthARQ na categoria Instituição do ano – Sustentabilidade. A seguir, podem ser conhecidas cada uma das suas frentes de atuação sustentável.

Efeito estufa

Em 2015, o HSI foi instituição pioneira do Norte/Nordeste do país a se associar a Rede internacional de Hospitais Verdes e Saudáveis (RHVS) pertencente ao Projeto Hospitais Saudáveis (PHS). Em outubro de 2016, o hospital aceitou oDesafio 2020 - A saúde pelo Clima, campanha internacional coordenada pela RHVS/PHS, que visa mobilizar organizações de saúde em ações corretivas e preventivas para minimizar as mudanças climáticas em defesa da saúde pública ambiental. A meta para a redução de emissões de gases de efeito estufa, adotada pelo Santa Izabel até 2020, é de 10% em relação aos gases gerados em 2015.

Água

O Hospital Santa Izabel integra movimento de preservação da água, através de um programa contínuo de ações voltadas para a gestão e o uso eficiente desse recurso natural. Em 2017, graças a um conjunto de iniciativas, o hospital conseguiu reduzir em 32% o volume de água consumido no ano em relação a 2016 – ou, mais especificamente, 56.742.000 litros.

Os desperdícios de água são evitados por meio do monitoramento diário do consumo dentro do hospital e dos níveis dos reservatórios. Hidrômetros internos foram instalados a fim de gerenciar o consumo da cada unidade e identificar possíveis vazamentos ao longo da rede, permitindo a devida correção. Além disso, há investimentos em treinamento dos colaboradores ligados à Gerência de Manutenção do hospital para intensificar o auxílio na identificação de perdas de água e disseminação entre os colaboradores do consumo consciente.

Energia

O HSI integra Projeto de Eficiência Energética para redução do consumo de energia elétrica, com ações aprovadas pela chamada pública da Coelba, como melhoria no sistema de iluminação e implantação de energia solar térmica para aquecimento de água.

Além disso, encontra-se em implementação a setorização e o gerenciamento do consumo interno de energia elétrica através da instalação de medidores nas principais unidades consumidoras.

Resíduos Sólidos

A gestão dos resíduos sólidos no hospital conta comcapacitação das equipes de manutenção, higienização e dos colaboradores; padronização de lixeiras, sacos de lixo e adesivos de sinalização;projeto de Coleta Seletiva; projeto de coleta de óleo de cozinha usado e projeto de coleta de Pilhas e Baterias, ambos dos colaboradores.

Coleta Seletiva

Com a implantação de um programa de coleta seletiva, o hospital conseguiu reduzir em 25% a destinação de resíduos recicláveis em aterros sanitários entre os anos de 2014 a 2016. Através do projeto, os resíduos recicláveis são doados a uma cooperativa, ajudando na renda de mais de 50famílias carentes.

Recolhimento de óleo de cozinha

O HSI tem um projeto de coleta do óleo de cozinha usado, direcionado aos seus colaboradores, que são incentivados a levar o produto de casa para que seja feita a destinação correta. O óleo recolhido é doado para cooperativa para fabricação de sabão.
Fonte: Anahp




Obrigado por comentar!
Erro!
Contato
+55 11 3044 4440
+55 11 3045 5173
Av. Rouxinol, 84, cj. 92
Indianópolis - São Paulo/SP