Saiba qual a diferença entre telemedicina e telessaúde
Conceitos da área médica frequentemente confundidos têm significados diferentes. Entenda!
16/01/2019 - por Maria Gabriela
Apesar de serem conceitos frequentemente confundidos, a telemedicina e a telessaúde consistem em áreas diferentes, sendo importante conhecer as especificidades de cada campo e como eles contribuíram para o desenvolvimento da medicina.

A seguir, apresentamos os conceitos de telessaúde e telemedicina, as diferenças entre eles e quais os benefícios de ambos os campos na área médica.

O que é telessaúde?

O conceito de telessaúde engloba uma série de atividades relacionadas aos cuidados oferecidos na área de saúde, consistindo na utilização de serviços de informação, tecnologias e telecomunicações com o objetivo de promover a saúde.

Diversos avanços da área da medicina foram possíveis devido ao desenvolvimento da telessaúde, entre eles podem ser destacados:
  • Realização de teleconferências entre profissionais da saúde para discutir temas relacionados a diagnóstico, tratamento e prognóstico;
  • Suporte a pacientes com doenças crônicas a fim de elevar a qualidade de vida deles e evitar novas internações;
  • Promover o ensino à distância na área da saúde para elevar o conhecimento das equipes, mesmo em regiões distantes;
  • Uso da robótica em procedimento complexos.
Atualmente, a telessaúde está sendo vastamente utilizada para a capacitação profissional, visto que a especialidade permite que profissionais da saúde tenham acesso a diferentes casos de estudos por meio de videoconferências e outras técnicas.

O que é telemedicina?

A telemedicina, por sua vez, é um ramo dentro da própria telessaúde que visa promover a troca de informações entre médicos e pacientes mesmo quando a distância é um fator limitante.

Essa especialidade tem sido vastamente usada nos últimos anos para expandir o acesso aos serviços de saúde de qualidade, o que inclui comunicação entre médico e paciente para monitoramento e diagnóstico, mas também a telerradiologia, por exemplo.

A telerradiologia é uma parte da telemedicina e consiste no diagnóstico de exames de imagem à distância. Assim, uma clínica que não tem um profissional alocado especialista em ressonância magnética, por exemplo, pode solicitar um laudo a distância para uma empresa especializada.
Dessa forma, a telemedicina tem contribuído para expandir o acesso à saúde, principalmente quando trata-se de regiões mais distantes e pouco assistidas.

Quais as diferenças entre essas especialidades?

No que se refere às diferenças entre telemedicina e telessaúde pode ser destacado o fato de que uma se trata de uma grande área e a outra de uma subárea da primeira. Além disso, o surgimento das especialidades também as diferencia.

A telessaúde surgiu no início do século XX com o uso do rádio para suporte médico à distância, sendo realizados atendimentos para pessoas que estavam na Antártica. Já a telemedicina surgiu nos Estados Unidos na década de 1970 com o objetivo de levar serviços médicos às áreas rurais.
Entre as diferenças entre as áreas também é possível destacar que a telessaúde inclui o uso de todo tipo de equipamento tecnológico voltado para a saúde, enquanto a telemedicina é uma área mais especializada, proporcionando serviços médico específicos.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) define ambos os termos considerando as particularidades de cada um. De acordo com o órgão:
  • Telessaúde refere-se ao uso de Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) para prestação de serviços de saúde à distância;
  • Telemedicina é a oferta de serviços relacionados aos cuidados com a saúde nos casos em que a distância é um fator crítico, sendo necessário para complementar às atividades médicas.
Apesar das particularidades de cada especialidade, ambas têm sido vastamente utilizadas para promover melhorias na área médica, aumentando o acesso a serviços de qualidade e aperfeiçoando profissionais e procedimentos, como diagnóstico, realização de exames e monitoramento de paciente.

Quais os benefícios da tecnologia aplicada à saúde?

Não é de hoje que a tecnologia tem sido usada na área da saúde com diferentes objetivos, de acordo com o recurso utilizado, desde melhorar o acesso, até realizar procedimentos complexos e elevar a qualidade de vida dos pacientes.

Tanto a telessaúde como a telemedicina tem contribuído para que esses objetivos sejam alcançados. Assim, alguns dos benefícios que podem ser destacados são:
  • Maior acesso aos serviços médicos, incluindo práticas altamente especializadas em locais distantes;
  • Otimização dos recursos médicos, reduzindo os desperdícios causados pela má gestão de insumos;
  • Melhor preparo dos profissionais com capacitação à distância e uso da tecnologia no dia a dia dos trabalhadores;
  • Maior acesso aos exames de imagem por meio da telemedicina, melhorando a qualidade e agilidade na emissão de diagnósticos, elevando as chances de tratamento;
  • Automação de processos tornando os procedimentos mais ágeis e menos dependentes de equipes maiores;
  • Aprimoramento dos serviços médicos em si devido a maior possibilidade de troca de informações e experiências entre profissionais da área.
Verifica-se, portanto, que tanto a telessaúde quanto a telemedicina consistem em importantes ferramentas para melhorar o fornecimento de serviços de saúde, seja em grandes cidades como em locais mais distantes.

A telerradiologia, assim como outros serviços viáveis devido ao uso da tecnologia da informação na saúde, expande as chances de sucesso nos tratamentos devido um diagnóstico mais ágil, precoce e eficiente, sendo essa área uma das principais responsáveis pelo aumento da expectativa de vida.

Apesar das eficientes soluções direcionadas para melhorar a etapa de diagnóstico, como a telerradiologia e a própria telemedicina, é necessário um esforço constante para que a telessaúde inclua, cada vez mais, o uso da tecnologia para aprimorar etapas como de tratamento e sobrevida dos pacientes.
 
 




Obrigado por comentar!
Erro!
Contato
+55 11 3044 4440
+55 11 3045 5173
Av. Rouxinol, 84, cj. 92
Indianópolis - São Paulo/SP