“O SUS que queremos é possível”
26/07/2019

90% dos problemas podem ser resolvidos na atenção básica. Diagnóstico precoce e tratamento antecipado fazem cair o risco de agravamento de doenças e os gastos com saúde pública

Em 2018, um terço dos municípios brasileiros fechou as contas no vermelho e metade tinha dívidas com fornecedores. Em 2019, salários atrasados seguem na pauta e o poder público ainda fala em cortes. O resultado é visível na má qualidade do serviço público ofertado. Mas isso não é realidade em Santa Cruz do Sul. A reinvenção da economia local e a adoção de ideias simples garantem atendimento de saúde exemplar aos munícipes.

90% dos problemas podem ser resolvidos na atenção básica. Diagnóstico precoce e tratamento antecipado fazem cair o risco de agravamento de doenças e os gastos com saúde pública. Nessa perspectiva, criamos três programas: Portas Abertas, Fila Zero e Farmácia Móvel.

Com o Farmácia Móvel, 14 mil usuários de localidades do interior não precisam mais percorrer 50 quilômetros para pegar um medicamento e ainda participam de ações educativas sobre o uso racional dos medicamentos, efeitos colaterais e riscos da automedicação.

No Fila Zero, parceria da prefeitura com hospitais públicos, privados e clínicas particulares, a demanda reprimida de 7,6 mil usuários por consultas e exames em mais de 20 especialidades está sendo reduzida. Não há mais filas para ressonância, tomografia, eletrocardiograma, mamografia e nem para fonoaudiólogo, neuropediatra e proctologista.

Nossa meta é zerar toda demanda reprimida. No programa, apenas 6% dos usuários faltam, enquanto no atendimento tradicional, o índice chega a 39%.

O custo de tudo isso? R$ 1,5 milhão ao ano, mais a dedicação de servidores e gestores públicos. Agora com recursos próprios, o município promove a centralização dos serviços de saúde para que o usuário não enfrente um calvário e resolva as demandas no mesmo local.

Em saúde, cada centavo aplicado é investimento. Cuidar dos cidadãos é administrar de forma responsável, fazer mais com menos e inovar sem descanso para garantir o essencial à vida: saúde.

Fonte: Anahp




Obrigado por comentar!
Erro!
Contato
+55 11 3044 4440
+55 11 3045 5173
Av. Rouxinol, 84, cj. 92
Indianópolis - São Paulo/SP