Presidente da Rede Mater Dei compõe comitiva de líderes de saúde na Holanda
26/09/2019

A viagem faz parte da 17ª edição do World of Health Care. O presidente é um dos oito executivos brasileiros convidados para compor o grupo

O presidente da Rede Mater Dei, Henrique Salvador, compõe uma delegação de oito executivos brasileiros que visitarão, entre os dias 24 e 27 de setembro, hospitais e Centros de Saúde que são referências mundiais, localizados na Holanda. As visitas fazem parte da 17ª edição do World of Health Care, que tem como objetivo promover um intercâmbio internacional na área da saúde e a aproximação com líderes da saúde holandeses e os demais países visitantes para discutir desafios compartilhados em todo mundo e possíveis parcerias.

“Essa é uma excelente oportunidade de buscar, por meio do relacionamento com referências mundiais da área, as melhores práticas em saúde. É uma preocupação constante da Rede Mater Dei de Saúde acompanhar as mudanças e transformações necessárias para atender cada vez mais os nossos diversos públicos da melhor maneira possível e em concordância com as melhores práticas. Buscamos sempre o que há de novo e que pode ser aplicado na área da saúde e investimos em tecnologia e inovação para dar suporte e facilitar a interação da comunidade Mater Dei – pacientes, corpo clínico e equipes assistenciais e de apoio”, explica Henrique Salvador.

Dentre as instituições que serão visitadas, está o Erasmus Medical Center, uma referência mundial em qualidade e segurança assistencial. No total, a delegação é composta por mais de dez nacionalidades, como Estados Unidos, China, Quênia, Alemanha, Escandinávia, Índia, Emirados Árabes Unidos, Colômbia, França e dentre outros.

O programa contemplará reuniões e discussões com Ministério Holandês da Saúde, Bem-estar e Esporte, com Hospitais Acadêmicos Holandeses, com Institutos de saúde renomados e Hospitais especializados, Instituições e organizações especializadas em envelhecimento saudável, em custo-benefício e qualidade e outras instituições especializadas em prevenção de epidemias.

O convite foi feito pela Task Force Health Care – TFHC, uma organização pública-privada voltada para Ciências da Vida e Saúde, da Holanda. O trabalho é realizado em parceria com o governo holandês, indústria, institutos de conhecimento, ONGs e profissionais de saúde

Fonte: Anahp




Obrigado por comentar!
Erro!